Povos originários na luta em São Paulo

Na Quarta-feira (27), um grupo de indígenas representando diversas aldeias da cidade de São Paulo, ocuparam a prefeitura da cidade para reivindicar uma reunião com o prefeito Bruno Covas (PSDB) sobre a questão da saúde dos povos originários. Sob constante ameaça da Guarda Municipal, os indígenas ocuparam durante todo o dia e a madrugada, se estendendo por toda a quinta-feira (28).

“Viemos exigir que o prefeito nos receba e dialogue com as nossas lideranças, caciques, líderes espirituais, mulheres e crianças que vieram da comunidade”, dizia a mensagem compartilhada pelas aldeias e compartilhada nas redes sociais. A mensagem também ilustrava a disposição para a luta dos grupos que ocuparam a prefeitura.”Todos os guerreiros e guerreiras estão dispostos a entregar a própria vida pelo bem da saúde da comunidade, nós Guarani, da T.I. Jaraguá, iremos resistir”, expunha a nota das comunidades.

No cair da noite, algumas lideranças conseguiram entrar no prédio da prefeitura para conversar com Bruno Covas, depois de muita conversa foi acordado que haverá uma reunião no próximo dia 2 de abril, para discutir as demandas das comunidades indígenas.

Confira algumas imagens feitas pela cobertura do Coletivo Fotoguerrilha.

Fotos e reportagem: Kauê Pallone/Fotoguerrilha

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo